Clareamento Dental Caseiro – Mitos e Verdades

11/04/2019

Você está pensando em realizar um clareamento dental caseiro, mas ainda tem algumas dúvidas? Descubra alguns mitos e verdades sobre esse procedimento no post de hoje!

O clareamento dental caseiro é a técnica mais segura e eficiente

Verdade. Os agentes clareadores utilizados na fórmula do clareamento dental caseiro são mais suaves do que os utilizados em consultório. Com isso, a polpa dentária fica protegida da ação desses elementos. Além disso, os dentes estão seguros das irritações pulpares inflamatórias que podem acontecer em outras técnicas.

Os resultados do clareamento dental caseiro também são melhores, já que conseguem clarear a região próxima às gengivas.

O efeito do clareamento dental caseiro é permanente

Mito. O efeito do clareamento dental caseiro pode até ser estendido se as recomendações do dentista forem devidamente seguidas. Porém, os dentes vão escurecendo novamente com o tempo, por isso o ideal é fazer manutenções periódicas.

Certos alimentos precisam ser evitados durante o processo de clareamento dental caseiro

Na verdade, durante o processo de qualquer clareamento dental, não apenas o caseiro, será preciso evitar o consumo de alguns alimentos.

Portanto, alimentos e bebidas com corantes fortes ou muito ácidos precisam ser evitados, assim como o consumo de bebidas alcoólicas. Isso porque podem manchar os dentes e prejudicar o processo.

Fumar também é contraindicado durante o tratamento. Afinal, durante o processo, os poros dos dentes estarão abertos, mais expostos ao desgaste e suscetíveis a manchas.

O clareamento dental caseiro não tem contra-indicações

Assim como qualquer procedimento, esse tipo de clareamento possui contraindicações.

Existem diversos casos em que o procedimento é contraindicado. Entre eles gestantes, menores de 15 anos (pois ainda estão com o esmalte dos dentes em formação) e quem tem implantes. Além disso, quem sofre de doenças periodontais, alérgicos a componentes da fórmula e pacientes com retração gengival também são contraindicados.

O clareamento dental realizado no consultório é mais eficaz do que o caseiro

Cada tipo de clareamento apresenta suas vantagens, desvantagens e particularidades. Os realizados em consultório, com LED ou laser, costumam apresentar resultados mais rapidamente. Isso porque o gel utilizado nestes tipos de clareamento é mais concentrado. Porém, sua penetração é mais superficial, fazendo com que durem menos.

Já o no tipo caseiro apresenta resultados mais estáveis e duradouros. Claro que isso vai depender dos cuidados tomados pelo paciente.

O esmalte dos dentes é prejudicado pelo clareamento dental caseiro

Mito. O clareamento trata-se de uma reação química que age no pigmento que causa o escurecimento dos dentes. Portanto, esse procedimento não é abrasivo e não prejudica a estrutura dos dentes.

Agora que você já sabe o que é mito e o que é verdade em se tratando de clareamento dental caseiro, venha fazer seu procedimento aqui no IBIO. Trabalhamos com produtos de qualidade e procedência e nossos dentistas podem oferecer a melhor orientação para garantir que seu sorriso fique ainda mais bonito. Entre em contato e marque agora mesmo sua avaliação totalmente gratuita!

alimentação ácida
atm
bichectomia
bochecha
botox
cirurgia
clareamento dental
clareamento dental caseiro
clínica de estética
clínica odontologica
cuidados na alimentação
dentição
dentista
dicas
enxerto ósseo
estética
estética buchecha
estética corporal
estética dental
extração de siso
gengiva
idosos
implante dentario
lipo
odontologia
onde fazer implante dentario
ortodontia
osseointegração
papada
pós-operatório
prótese dentária
prótese fixa
prótese móvel
reuperação
saúde
saúde bucal
siso
tratamento de canal
valor implante dentario

Compartilhe esse artigo